Estilo de Vida

Volta às aulas: dicas e cuidados de higiene com os pequenos3 min leitura


A volta às aulas presenciais tem preocupado muito pais ao redor do mundo. No entanto, não é necessário tomar atitudes precipitadas. Com a adoção de algumas medidas de higiene e cuidados estratégicos, as crianças poderão voltar a ver coleguinhas e retornar a aprender lições na sala de aula.

Mesmo que todos os grupos consigam ser vacinados durante a campanha de vacinação contra a COVID-19, ainda teremos que continuar com o uso de máscaras, álcool gel e demais medidas indicadas pela OMS.

Contudo, ninguém deve entrar em pânico! Apenas é importante seguir certas recomendações e incentivar as boas práticas. Nos tópicos ajudaremos você a agir com total cautela diante dessa situação. Portanto, continue conosco e boa leitura!

Mande mais de uma máscara

A escola estará muito bem treinada para recepcionar os alunos durante o período de volta às aulas. Com certeza eles seguiram procedimentos bem educativos para que os pequenos não estejam sujeitos a nenhum tipo de contaminação.

No entanto, não custa reforçar os cuidados em casa de uma maneira bem simples e motivadora, principalmente no uso das máscaras. Elas devem ser trocadas a cada três horas. Portanto, não esqueça de deixar uma reserva na bolsa da criança em uma sacola impermeável.

Não esqueça de falar também do uso correto da máscara, na intenção deles não usarem debaixo do queixo ou com o nariz de fora.

Reforce o uso do álcool gel

É certo afirmar também que as escolas disponibilizarão totens de álcool em gel em pontos estratégicos do colégio e sempre terá algum colaborador para incentivar a higienização. Contudo, coloque também um recipiente na bolsa dele e garanta que ele o utilize quando for necessário.

Quanto a questão da limpeza dentro do local, as escolas estarão engajadas a usarem produtos capazes de matar o coronavírus no intuito de desinfetar o chão e demais superfícies, deixar o ambiente arejado com janelas abertas e manter tapetes com água sanitária na entrada da escola.

Desencoraje o compartilhamento de objetos

Outra recomendação importante é o uso individualizado dos objetos, seja os materiais escolares, itens dos lanches ou celulares e demais dispositivos móveis que eles usem.

Caso você esqueça, a escola poderá ajudar o aluno de uma maneira que não o exponha a certos riscos, mas se preferir faça uma listinha e confira tudo antes de levá-lo ao colégio.

Explique sobre os cuidados com as mãos

No processo de volta às aulas, recomende que eles sempre façam uso de lenços no momento em que for tossir ou espirrar e descartem-nos diretamente no lixo.

As escolas também terão a oportunidade de aferir a temperatura das crianças com termômetros recomendados pela Anvisa. Desta maneira, fica mais fácil evitar o surgimento de novos casos.

Desincentive o contato físico com os coleguinhas

O período de volta às aulas também é caracterizado pelo reencontro dos colegas de classe, principalmente depois de um longo período de saudade devido ao isolamento social. No entanto, contatos físicos (como beijos na bochecha e abraços) devem ser evitados por enquanto.

No entanto, encoraje seu filho a demonstrar carinho pelos amiguinhos de uma outra forma até que as coisas se regularizem. É uma ótima maneira dele desenvolver a criatividade e criar um senso de responsabilidade para um bem maior.

Durante a leitura deste artigo você conheceu algumas dicas e cuidados a serem adotados na hora da volta às aulas das crianças. Procure incorporar as recomendações no seu dia a dia e explicar para o seu filho o quanto é importante e benéfico seguir tais direcionamentos!

Querendo montar um cantinho de estudos para seu filho?

Um cantinho para estudar em casa é sempre bom para incentivar a concentração na hora de fazer as tarefas. Nós temos um conteúdo aqui no blog que dá várias dicas para criar uma sala de estudos. Confira!

Estilo de Vida
3 hobbies acessíveis para começar a praticar já!4 min leitura
Estilo de Vida
Beleza: 5 produtos indispensáveis neste verão5 min leitura
Estilo de Vida
Como fazer academia em casa? Exercícios e aparelhos ideais4 min leitura